sábado, 18 de setembro de 2010

a Espiritualidade do CANDELABRO

A MENORÁ
ou o CANDELABRO de DEUS

- DEUS mandou Moisés colocar um candelábro com sete lâmpadas no Lugar Santo.
- Essas luzes deviam permanecer sempre acesas (cf. Lv 24,2).
- Em 2Sm 21,17, a morte de Davi é apresentada como o apagar da lâmpada de Israel.
- O Sl 119 e 105, como Pr 6,23, exalta a palavra de Deus como a lâmpada para os pés dos piedosos.
- O Sl 132,17 emprega "lâmpada" como uma figura do Messias.
- E assim, simboliza uma liderança pessoal de Deus.
- Que no cristianismo se concretiza na pessoa e obra de Jesus Cristo, Ungido de Deus.
- E no ministério da Igreja, ungida de Cristo.
- Os seguidores de Jesus podem e devem ser luz do mundo, cf. Mt 5,14.
- O profeta Zacarias deixa evidente que o candelabro simboliza o Espírito de Deus (cf. Zc 4,6), na sua perfeição numérica; também apropriada ao Apocalipse (cf. Ap 5,65).

Assim, neste tempo, no qual, na Igreja do Brasil
recordamos o lugar da Palavra de Deus na Liturgia da Igreja e na vida do povo de Deus,
a utilização da imagem da Menorá,
associada à Proclamação da Escritura,
não fala apenas algo do passado de Israel,
mas algo do presente da nossa vida:
da celebração da memória de Jesus Cristo em nós,
seu Povo, sua Igreja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário